{Look do Dia} Pink!

Leia mais

Sobre os ciclos da vida

Leia mais

Mix de Coisas Viaja: Tiradentes

Leia mais

17 de set de 2015

Sobre realizar sonhos


Eu nasci em uma família pobre. Algumas vezes vi o desespero nos olhos da minha mãe por não ter dinheiro para alimentar a nossa família no dia seguinte. Ela sempre dava um jeito e, graças a Deus, nunca cheguei a passar necessidades. Eu nunca pedia para ir nas excursões da escola e nem para lanchar no Mc Donalds quando íamos ao shopping center por que sabia que para pessoas como a gente, aquilo não era possível.

Fui agraciada por pessoas especiais que pagaram os meus estudos, então, pude assistir aulas em escolas particulares, mas não podia me dar o luxo de achar que pertencia ao mesmo mundo que as pessoas da minha sala. Enquanto minhas amigas planejavam suas festas de 15 anos e discutiam as cores de seus vestidos bufantes, eu pensava em como faria para comemorar com elas, já que não tinha dinheiro para um vestido novo, nem condições de comprar o presente que elas mereciam e nem mesmo de usar o serviço de taxi para chegar no local do baile. Por fim, ia meio tímida, sem presentes e com o mesmo vestido de sempre, mas com o coração grato por poder participar de festas tão legais como aquelas, afinal, as outras meninas da minha rua nunca tinham participado de uma baile de debutantes antes. No final das contas, eu era uma felizarda por ter um convite para estar ali.

Apesar de ter sido difícil e algumas vezes doloroso esconder das minhas amigas a minha realidade, conviver com pessoas que tinham um poder aquisitivo melhor que o meu, despertou em mim a vontade de mudar a minha sorte, afinal de contas, só dependia de mim, certo? 

Natal de 2011, quando trabalhei fazendo fotos do Papai Noel com as crianças no shopping. Amava <3
Estudei e procurei oportunidades que meus pais não tiveram. Assim que atingi idade para começar a trabalhar eu fui. Consegui boas vagas, fazendo boas coisas e fiquei muito contente por poder aprender coisas novas e ser útil ao mesmo tempo. Aprendi tanto que com 16 já dava aulas em uma escola de informática e aos 18 já era fotógrafa em um estúdio da minha cidade. No mesmo ano passei no vestibular e então nunca mais parei de trabalhar. Foram agências, empresas e muita, mas muita bagagem adquirida.

O dinheiro veio, não tanto quanto gostaria, mas em quantidade o suficiente para que coisas antes tão distaaaantes pudessem a ser mais palpáveis. Viajar e conhecer lugares que faziam meu estômago doer quando via na televisão, poderiam sim acontecer.


Minha primeira viagem internacional foi para a Argentina. Foi um sonho poder andar por aquelas ruas que pareciam ter saído de uma tela de pintura. Pude tocar em animais selvagens em Lujan e claro apreciar o tango. Foi inesquecível! Parecia um sonho! Depois dessa viagem achei que demoraria anos para ter aquela sensação novamente. Aquele mix de medo e alegria por estar em um espaço estranho com pessoas culturalmente diferentes de você.

No início do ano compramos uma passagem para os Estados Unidos, Los Angeles para ser mais exata. Não acreditei que aquela cidade estaria debaixo dos meus pés em poucos meses. Tinha certeza que meu visto ia ser negado, mas minha entrada foi aceita. Tinha certeza que o avião ia cair, mas não passei por nenhuma turbulência. No taxi, no caminho pro hotel, tinha certeza que íamos bater e não íamos conseguir viver mais nada naquela cidade. Eu tinha o sonho americano, mas nunca, jamais, nem nos meus melhores planos eu o realizaria tão nova. De noite no hotel, na nossa primeira noite chorei, chorei com a alma, porque toda a alegria que tinha dentro de mim não tinha como ser expressada de outro jeito. Lembro de ter tomado um cuidado enorme para não acordar meu marido, estava tão emocionada que esqueci que ele tinha sono de pedra.


O que quero passar com esse texto todo é bem clichê eu sei. Mas é porque, diferente de muita gente que nasceu em berço de ouro e pode ostentar na internet suas viagens, eu sou a prova de que sonhar já é metade do caminho para fazer as coisas acontecerem. A realidade que você vive hoje não tem que ser a que você vai viver para sempre.


Espero que a série de postagens que vou começar a fazer hoje sobre a minha viagem, possa mostrar para você que o mundo é muito maior do que você pode imaginar e se eu consegui chegar em alguns lugares mesmo tendo tão pouco no início da minha vida, você também pode realizar desejos do seu coração. Espero que as dicas que vou dar aqui, possa ajudar você a ter uma viagem tão incrível quanto a que pude ter.

Vamos nessa?

16 comentários:

  1. Que bacana à história de vcs!!! Parabéns! Que Deus continue abençoando a vida de vcs e que muitos sonhos venham se realizar..felicidades. Bjos

    ResponderExcluir
  2. Já estou inspirada prima! DEUS é bom o tempo todo e o tempo todo DEUS é bom!!! Que ele continue abençoando sua vida, do Lucas e a união de vocês! bjão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém Prima!! Tá precisando vir visitar a gente, né?

      Beijão

      Excluir
  3. Q legal. Também já passeis por coisas difíceis, sonhava mas acreditava que nada ia dar certo pra mim, o tempo passou e percebi que tudo dependia de mim, acreditar e claro trabalhar duro e estudar muito para que as coisas acontecessem. Hoje tenho 2 cursos superiores, passei em um concurso público e ganho razoavelmente bem, já estou juntando minha grana para o curso de inglês e conhecer NY, acredito que vou conseguir, também estou com outros planos para o futuro, pós, mestrado, viagens, etc, não paro de sonhar porque não paro de lutar para vencer, afinal só depende de mim.
    Aproveite e post bastante dicas.
    Abr

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que linda a sua história! Tudo depende da gente mesmo? Deus abençoe você e que você tenha oportunidade de realizar seu sonho de conhecer NY e muitos outros!

      Beijão

      Excluir
  4. Que lindo Malu! Me emocionei, torço para que essa seja apenas uma conquista entre várias que você irá alcançar...

    ResponderExcluir
  5. Que história mais delícia! Eu também sou de família pobre, e assim como você luto para ter condições melhores. Se você pode sonhar, pode realizar!!! Que vc possa viajar muitas e muitas vezes ainda! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E a gente vai devagarzinho conquistando o nosso espaço, né Tati?
      Acho que é até mais legal quando é assim né? Talvez a gente valorize mais o suor do trabalho !!

      Que você também consiga realizar todos os desejos do seu coração!

      Saudade

      Excluir
  6. Que história mais delícia! Eu também sou de família pobre, e assim como você luto para ter condições melhores. Se você pode sonhar, pode realizar!!! Que vc possa viajar muitas e muitas vezes ainda! <3

    ResponderExcluir
  7. Juliana Oliveira11/10/2015 22:38

    Amiga,
    muito emocionante o seu texto, fico feliz por poder ter participado de todas essas etapas em sua vida e ver seu crescimento! Você merece tudo de melhor! Amo muito você!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Juu, com certeza a minha vida não teria tido o mesmo rumo se não tivesse tido você comigo! Você sabe disso né?

      Ainda vamos crescer ainda mais juntas!

      Amo vc <3

      Excluir
  8. Prima....
    muito lindo seu texto, acho que até vou sugerir pros nossos tias e tios lerem!!!
    e eu estou de prova que as coisas foram difíceis mesmo, mas vc sempre foi uma pessoa muito iluminada e nunca te vi reclamando da vida, NUNCAAA MESMOOO...acho que isso só é uma partezinha do que Deus te reserva!!! Conheço pessoas que tinham muitooo mais condições e que não param de reclamar.....Vc nunca se fez de vítima como é o mais comum na sociedade atual!!!
    Eu tenho muito orgulho da minha priminha (que tem o dobro do meu tamanho), e o fato de vc sempre correr atrás dos sonhos me encanta!!!! E nós somos muito ricoss prima....pq cada um da nossa fámilia é uma jóia !!!
    Continue assim....cheia de sonhosss e metas !!!!! Te amo <3

    ResponderExcluir
  9. Malu, depois de muito tempo, só li esse texto lindo hoje. rs
    E que lindo ver tanta felicidade, persistência e gratidão no seu coração! Não é atoa que Deus te presenteou com conquistas e momentos tão lindos!
    Que seja só o início delas, desde as mais simples até as mais grandiosas, porque você merece!
    Essas tolentinas são só orgulho! <3

    ResponderExcluir
  10. Malu, depois de muito tempo, só li esse texto lindo hoje. rs
    E que lindo ver tanta felicidade, persistência e gratidão no seu coração! Não é atoa que Deus te presenteou com conquistas e momentos tão lindos!
    Que seja só o início delas, desde as mais simples até as mais grandiosas, porque você merece!
    Essas tolentinas são só orgulho! <3

    ResponderExcluir