{Look do Dia} Pink!

Leia mais

Sobre os ciclos da vida

Leia mais

Mix de Coisas Viaja: Tiradentes

Leia mais

25 de jun de 2013

Se Beber, Não Case! Parte III

Oi gente! Já aviso que se você ainda não viu Se Beber, Não Case! Parte III, esse post contém spoilers! Depois não reclame, eu avisei.
Tô atrasada? Tô. Tô culpadésima por isso? Claro que tô. Tô morrendo de medo de revogarem minha carteirinha de sócia fundadora & presidente do fã clube The Hangover É A Nossa Vida? OBVIAMENTE!!! Claro que minhas desculpas para só ter assistido Se Beber, Não Case! Parte III 2 semanas depois da estreia são esfarrapadas porém perfeitamente compreensivas: é uma regra universal que só posso assistir com a minha amiga de infância Thaíza, que me apresentou o filme. Por isso até encontrar uma data que as duas pudessem ver juntas, tivemos que nos segurar na ansiedade. Finalmente esse dia chegou e lá fomos felizes e animadas ver nosso wolfpack <3
Confesso que eu estava apreensiva e não fui esperando muita coisa, até porque seria bem difícil o filme conseguir ser mais engraçado que seus dois antecessores. Minha maior surpresa foi a de que justamente o diretor também percebeu isso e fez um filme não pra concorrer com a parte 1 e a 2, mas sim um filme para fechar a história do bando de lobos, um filme que tem piadas, claro, mas seu objetivo principal não é ser exclusivamente engraçado. A impressão que ficou pra mim foi a de um filme feito para os fãs (claro que foi feito pensando na bilheteria, mas essa não existiria sem os fãs), cheio de referências deliciosas. Então decidi fazer um post não como outra crítica qualquer, e sim um post para destrinchar o filme e apontar as referências que encontrei e a cada uma delas dei suspiros no cinema. Vamos ver se vocês também perceberam todas elas (obviamente, como o filme ainda está em cartaz, a qualidade da imagem não está muito boa porque essa cópia que fiz download foi filmada de cinema):
Já de cara temos uma referência ao primeiro filme, com Alan na estrada. Até a cena dele mexendo com uma criança no carro ao lado foi lembrada. O posicionamento da câmera também é super parecido. Daí já amei e percebi que viria muito mais cremosidade pelos outros minutos do filme.
Aí teve o discurso do Alan no velório do pai dele. Me lembrou logo o discurso dele no filme 2, mas ontem, assistindo o primeiro filme, relembrei que no filme 1, quando eles estavam no telhado brindando, Alan interrompeu Phil e fez seu próprio discurso, aquele em que ele nomeia o grupo como Wolfpack. Três filmes, três discursos épicos.
Novamente eles caem na estrada e a cena lembra a do grupo indo para Las Vegas no primeiro filme.
Caídos no chão da estrada após serem atacados, assim como no primeiro filme também.
Os quatro sentados numa mesa de bar de caráter duvidoso, que lembra muito a cena de Bangkok no 2. A partir dessa cena o roteiro começa a seguir um roteiro totalmente original, sempre mantendo as características dos personagens, claro, mas colocando-os em situações que não são nada parecidas com aquelas vistas por nós nos filmes anteriores. Mas claro que as referências não param:
Numa delegacia sendo interrogados, assim como na parte 1.
Chegando em Vegas, de carro, à noite. Claro que agora em Vegas teremos uma enxurrada de lembranças:
Indo na casa da stripper... e agora a minha referência preferida:
CARLOSSSS!!!!!!! hahhahaahhahaha gente <3 Já sabia que o bebê mais amado iria voltar (vi no instagram do Todd Phillips, diretor do filme, na época das filmagens), mas nossa, que demais! E ainda com o óculos no menino, não consigo lidar!! Ainda acho que esse Carlos do filme 3 é de mentira, mudado em computador, sei lá, porque as bochechas são muuito iguais! Melhor referência!
"It's great to be back, so many memories!" Hahaha essa é a frase do Alan quando eles chegam de volta no Caesar's Palace, hotel que ficaram hospedados no filme 1. Stu não gostou nem um pouquinho, pois já tinha prometido que nunca mais voltaria pra Vegas, haha.
Essa também é lindja <3. A cena clássica deles no elevador. A qualidade da foto tá boua porque essa foto é uma das de divulgação do filme, hehe!
Uma corrida louca no carro também não pode faltar.
Chow is dead? Nos dois filmes ele quase morreu.
Negociação com uma máfia pra pegar o Dougie de volta? Tem, sim senhor!
Family picture...
Alan e Doug linduchos de terno exatamente no mesmo cômodo do filme 1. E agora minha outra referência preferida (junto com a do Carlos, tá?):
Wolfpack lindo andando sensualmente em câmera lenta com uma música de hip hop ao fundo <3 O mais legal é que o próprio filme 3 termina com flashes desse momento nos outros filmes. MUITO AMOR!

BÔNUS!!
Faltou a faixa de pedestres hein? Haha! Mas foi ótimo. Não vou colocar a referência da cena extra (pós-créditos) porque é mais do que óóbviam né? E também pra ficar a surpresa caso alguém que tenha lido esse post não tenha assistido! Ah, quero expressar aqui minha única decepção: a falta das fotos no final :( Eu sei que nesse filme não tivemos um lapso temporal (como no 1 e no 2, quando eles ficam bêbados-acordam), mas mesmo assim ficou aquele vazio :/ Outra coisa: claro que tiveram mais referências do que as que listei aqui. Procurei pegar as principais referências visualmente falando, mas no roteiro, falas e outros detalhes, tem muito mais coisa!
Curtiram? Espero que sim, amei fazer esse post (tive que fazer o sacrilégio de assistir os 3 filmes de novo... já não gosto né? Haha).
Beijos!

POST UPDATE: 
vendo uma entrevista aqui, e olhem o que Bradley fucking Cooper disse:
"For the fans of the movie, of the first one especially, the third one is like an investigation of every moment at the first one" EU SEI MEU LINDO, OLHA MEU POST AQUI PRA PROVAR ISSO! <3 te amo.

Um comentário:

  1. Oiiiiiii Gente eu sou fã de Se beber não case e fiquei muito triste de ter finalizado essa trilogia,adoooooooooooooro esse filme e adoro Bradley Cooper!!!!!

    ResponderExcluir